Itália

Bem-vindo à Itália, o país da arte.

Cada pequena cidade, vila ou povoado contém um patrimônio inestimável de afrescos, imagens, pinturas, esculturas, construções, igrejas e palácios que cobrem um período histórico de mais de dois mil anos. Na verdade, cada pedra em nosso país tem uma longa história para contar.

A Itália não é apenas um país com um imenso patrimônio cultural.
É também a terra natal do estilo e da moda.
É a fábrica dos motores mais poderosos e fascinantes.
É um lugar bom de se viver, onde o sol brilha o ano todo para aquecer o seu coração e onde você poderá desfrutar da mais variada, criativa, saudável e saborosa gastronomia.
É o lugar certo para comprar uma casa para morar o resto da sua vida ou apenas alguns meses por ano.

Bem-vindo à Itália

Como comprar na Itália

Os agentes da CENTURY 21 acompanham seus clientes durante todas as fases de aquisição, até a assinatura do Contrato de Compra (normalmente denominado "rogito").

ETAPA 1 – Proposta ("Proposta") e Contrato Preliminar ("Preliminare" ou "Compromesso")

Este acordo preliminar, mesmo quando celebrado de forma privada, dá origem a compromissos juridicamente executáveis. Antes de concluir um contrato preliminar, o comprador deve obter um código fiscal italiano.

ETAPA 2 – Contrato final ("Rogito")

A fim de proteger os cidadãos, sejam eles italianos ou estrangeiros, o Estado Italiano exige que o contrato (comumente denominado "rogito", a última etapa do processo de compra) seja elaborado por um funcionário público imparcial e especializado na área: o notário.

Tributação imobiliária na Itália

O imposto sobre a propriedade está bem abaixo de 1% do valor de mercado do imóvel. A Itália é um dos países com os menores impostos sobre herança.

Para a transferência de propriedade entre particulares, a taxa de registro, hipoteca e impostos sobre o registro de imóveis são pagos pelo comprador ao notário que, por sua vez, faz o repasse à Autoridade Fiscal do governo no momento do registro.

Imposto fixo

A Itália introduziu um novo sistema de tributação para estrangeiros que mudam sua residência fiscal para o país. A maior parte da renda obtida fora da Itália é tributada no valor substituto de € 100.000 por ano, adicionados € 25.000 por ano para cada membro da família a quem os efeitos do imposto fixo são estendidos. Além disso, os indivíduos que se beneficiam deste regime fiscal estão isentos do monitoramento de ativos no exterior pelas autoridades fiscais italianas.

Principais áreas de pesquisa de imóveis em Itália

Casas à venda (28): Lazio (26), Sicilia (2)
Residencial para alugar (7): Lazio (7)
Terreno à venda (2): Lazio (1), Sicilia (1)